Home / A Opinião dos Leitores / Goiânia do futuro
.

Goiânia do futuro

Goiânia, ao longo desses 83 anos, já conquistou muito!
É reconhecida comouma cidade acolhedora, que garante oportunidades iguais aos goianienses e aos que escolheram Goiânia como morada.
É uma cidade justa, que aproxima as pessoas e que se destaca por crescer em ritmo acelerado, mas preservando suas praças e seus parques.
Goiânia tem a qualidade de vida de seus habitantes como uma prioridade e
isso precisa ser mantido para que o futuro seja de vida longa e saudável.
Qualidade de vida, para a Organização Mundial de Saúde (OMS), é “a percepção do indivíduo de sua inserção na vida no contexto da cultura e sistemas de valores nos quais ele vive e em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações”.
Nesse conceito são levados em conta fatores tais como trabalho,segurança, moradia, transporte, serviços de saúde, dinheiro, estudo, qualidade do ar e lazer.
Precisamos atuar nessas áreas prioritárias, almejando alcançar a melhoria doÍndice de Desenvolvimento Humano (IDH), deixando o 45º lugar que hoje ocupamos para ser uma das dez melhores cidades brasileiras para se viver.
Para tornar isso possível é preciso pensar o presente e o futuro de Goiânia, com ações a médio e longo prazo, para que a cidade seja um modelo de desenvolvimento em políticas públicas, com gestão pública eficiente e com qualidade de vida e equilíbrio ambiental.
Nessa perspectiva, consagra-se o direito de se viver em uma cidade com equilíbrio ambiental e, igualmente, tem-se o dever de ético e moral de preservar o meio ambiente de forma a garantir a preservação para o presente e para as futuras gerações. Para além das edificações inteligentes, do crescimento acelerado, da inovação e da modernidade que vivenciamos, Goiânia precisa manter seu desenvolvimento atrelado a qualidade dos espaços públicos e dos serviços urbanos. Qualidade de vida também tem relação direta com a mobilidade urbana e três vertentes precisam ser priorizadas: o pedestre, a bicicleta e o transporte público.
Só assim, valorizando o cidadão, conseguiremos viver uma reestruturação produtiva que responda às necessidades da sociedade.
Com qualidade de vida para todos teremos mais chances de um cidadão ter vida longa e saudável, acesso ao conhecimento e a um padrão financeiro de vida que lhe garanta mais que suas necessidades básicas.
A Goiânia do futuro precisa terqualidade de vida e equilíbrio ambiental.

*Andrey Azeredo
Vereador eleito pelo PMDB
e Advogado

Veja Também

CBF e os 45 anos de um título nacional do Atlético

  O resgate de uma conquista histórica e inédita No ano anterior, a seleção de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *